Bebedouro desperta para o turismo

Na próxima semana, Alesp vota projeto que classifica Bebedouro como ‘Município de Interesse Turístico’.

0
407
Ponto turístico - Orla do Lago Artificial Arquiteto João Valente, um dos cartões postais de Bebedouro que recebe visitantes de toda região. (Gazeta)

Hospitalidade é sinônimo de bem receber. Para 98% dos estrangeiros que visitam o Brasil, o serviço está aprovado. A atividade turística nos últimos anos tem sido de extrema importância para o desenvolvimento e crescimento da economia mundial, sendo responsável por aproximadamente 9% do PIB (Produto Interno Bruto) de muitos países.

Segundo dados do relatório anual da Organização Mundial do Turismo (OMT – UNWTO na sigla em inglês), das 1,3 bilhão de chegadas internacionais de turistas em 2017, 51% foram na Europa, 24% na Ásia, 16% nas Américas, 5% na África e 4% no Oriente Médio. Um aumento de 7% sobre 2016. Esses visitantes geraram US$ 1,3 trilhão em gastos nos destinos, com 39% ficando na Europa, 29% na Ásia, 24% nas Américas, 5% no Oriente Médio e 3% na África.

Em 2017, os países mais visitados por estrangeiros foram França, com 86,9 milhões de turistas, seguida da Espanha (81,8 milhões) e dos Estados Unidos (75,9 milhões).

Já o Brasil recebeu no ano passado, 6,58 milhões de turistas, sendo o segundo país mais visitado da América do Sul, ficando atrás da Argentina (6,7 milhões de visitantes). O número de turistas estrangeiros visitando o Brasil em 2017 obteve alta de 0,6%, contra os 6,54 milhões de 2016.

(…)

Leia mais na edição nº 10333, de 10, 11 e 12 de novembro de 2018.