Bebedouro tem 2 escolas inseridas no Programa da Unesco

Prefeito recebe ofício, confirmando a qualidade e o compromisso das unidades associadas. Stélio deve construir laboratório de robótica.

Empenho e dedicação - A coordenadora nacional do Programa das Escolas Associadas da Unesco, Myrian Tricate, ao lado de Sonia Paro, em Salvador. (Divulgação)

Na primeira quinzena de setembro, a gestora da Emef Stélio Machado Loureiro, Sonia Paro, esteve em encontro da Unesco em Salvador, para representar a nova escola associada, além da Emeb Maria Fernanda Piffer.
Na ocasião, como convidados a participar do programa ‘Limpa Brasil’, apresentou as ações executadas, seguidas de vídeo a que a coordenadora nacional do Programa das Escolas Associadas da Unesco, Myrian Tricate, em entrevista a Gazeta, cita o engajamento das escolas públicas nos projetos e parabeniza Bebedouro e sua administração.
Paro revela a Gazeta que, no encontro, foram convidados a estabelecer parceria com o grupo ‘Nave a Vela’, para abertura de um laboratório de robótica, indicado pela Unesco.

(…)

Leia mais na edição nº 10314, de 22, 23 e 24 de setembro de 2018.