“O que falta no Brasil não são médicos, falta estrutura a eles”

0
599
De volta - Jovem, competente, apaixonado pela família e pela profissão, Luciano Sempionato ? o Gente, no "Novembro Azul".

Jovem, profissional, humanista, apaixonado pela medicina e pela família, o bebedourense Luciano Sempionato, está de volta à sua cidade natal.

Após quase uma década, atuando na Saúde em Brasília, na Marinha e no Hospital das Forças Armadas, o bom filho à casa torna, para sorte de pacientes, familiares e amigos.

No “Novembro Azul”, nada melhor que conferir as palavras de um profissional que dedica sua vida ao assunto. O urologista desmistifica e pede que pacientes recebam e aceitem a conscientização através da informação.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorEmpreendimento para a cidade
Próximo artigoBatucando