Na Mostra de Foguetes, escola de Botafogo fica em 8º lugar

Entre 52 equipes, Kuhlmann ficou na ‘seleção ouro’ e também foi premiada como uma das melhores apresentações.

Representando SP e a escola pública – O professor Guilherme Stanzani e os alunos João Marcos, Júlio César e João Felipe ficaram em 8º lugar entre mais de 50 equipes de todo o Brasil.

Foi com o 8º lugar que a E.E. Gustavo Fernando Kuhlmann, do distrito de Botafogo, terminou a 12ª edição da Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOF), sendo a única pública do estado de SP a ir para a 2ª fase da competição, em Barra do Piraí (RJ). O protagonismo de três estudantes e a mediação do professor de física foram força motriz para o resultado.

A escola já conta, em seu histórico, com participações na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), que caminha junto à MOBFOF. “É um orgulho para nós termos participado, sido classificados e premiados”, diz a coordenadora Fabiola Vizoná.

“Por envolver ciência e conceitos químicos e físicos, há certa resistência. Mas esses três alunos mostraram interesse e foram protagonistas”, ressalta o professor de Física Guilherme Stanzani, que também acompanhou os estudantes, com apoio da Secretaria de Educação do Estado.

(…)

Leia mais na edição nº 10334, de 13 e 14 de novembro de 2018.